Fies/Prouni

PROUNI

Muitos jovens brasileiros estão conseguindo entrar para a universidade graças ao ProUni – Programa Universidade Para Todos. Como o próprio nome diz, a intenção do governo federal ao criar esse programa era levar o maior número possível de estudantes brasileiros à universidade.

Um acordo entre o governo federal e as instituições de ensino superior (universidades, faculdades e centros universitários) particulares do Brasil estabelece as regras do ProUni, que funciona da seguinte maneira: as instituições oferecem bolsas parciais (50%) ou integrais (100%) a estudantes que comprovem carência, ou seja, que não tem condições de pagar as mensalidades da universidade.

Veja os requisitos cobrados pelo MEC para participação no programa:

 

  • Ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio – Enem – do ano anterior (por exemplo, se você for concorrer a uma bolsa para o ano de 2012, deve ter participado do Enem em 2011);
  • Ter conseguido uma pontuação mínima estabelecida pelo MEC no Enem;
  • No caso de bolsa integral, a renda familiar mensal per capita não pode exceder um salário mínimo e meio;
  • No caso de Bolsa parcial, a renda familiar mensal per capita não pode exceder três salários mínimos. O estudante também deve se encaixar em uma das condições abaixo:
  • Ter cursado o ensino médio completo em escola pública, ou escola privada com bolsa integral da instituição;
  • Ter cursado todo o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor da rede pública de ensino básico, em efetivo exercício do magistério, integrando o quadro permanente da instituição e concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia. Neste caso, a renda familiar por pessoa não é considerada. 

    Encaixando-se nesse perfil, o estudante pode participar do ProUni, fazendo sua inscrição pela internet. No momento do cadastro, o candidato escolhe até três opções de cursos de sua preferência. A primeira opção deve ser a prioridade, aquele curso pelo qual o estudante mais se interessa. As inscrições serão feitas, em data que será definida pelo MEC, posteriormente. Maiores informações serão obtidas no endereço: portal.mec.gov.Br/prouni

    Clique aqui para visualizar a Portaria 03/2012

    FIES

    O Fundo de Financiamento Estudantil do Ensino Superior (FIES) tem como objetivo financiar as mensalidades de cursos de graduação para estudantes que estejam regularmente matriculados em instituições privadas de Educação Superior. A proposta é beneficiar estudantes de baixa renda.

    Para se inscreverem no programa os interessados precisam estar matriculados em uma instituição de ensino superior particular cadastrada no programa e com conceito positivo na avaliação do MEC. Além disso, o estudante deve informar e comprovar a renda per capita do grupo familiar, que não pode exceder o valor referente a 2,5 salários-mínimos.
    Os candidatos que pleitearem o financiamento precisam ter alcançado média superior a 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), sem ter zerado a redação, considerando as edições a partir de 2010.
    O processo seletivo é realizado duas vezes por ano, com base no desempenho no Enem, sendo a nota da redação o primeiro critério de desempate.

    Inscrição
    As inscrições acontecem através da internet, pelo site: http://fiesselecao.mec.gov.br/ . Para se inscrever, os estudantes devem informar os dados pessoais, o curso no qual já está matriculado ou deseja se matricular, os dados da instituição de ensino e outros. Após o término das inscrições o candidato tem 10 dias para confirmar as informações prestadas no site junto a faculdade e após a confirmação mais 10 dias para comparecer a agência bancária para firmar o contrato de financiamento.

    Vagas remanescentes
    São consideradas vagas remanescentes aquelas eventualmente não ocupadas no decorrer do processo seletivo regular do Fies A inscrição é gratuita e realizada exclusivamente pela internet, na página do FiesSeleção, no endereço eletrônico http://fiesselecao.mec.gov.br

    Antes de iniciar a inscrição, o candidato deve se cadastrar no sistema de vagas remanescentes do FiesSeleção. Poderão ser realizadas as inscrições de candidatos graduados e não graduados.

    Para efetuar o cadastro, o estudante deve informar o número no Cadastro de Pessoa Física (CPF) e a data de nascimento, conforme consta no CPF. A partir desses dados, o sistema automaticamente verificará se o candidato participou do Enem, a partir da edição de 2010, e se obteve, em uma mesma edição do referido exame, média das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota na redação superior a zero.

    Havendo registro de participação no Enem e da nota mínima, o sistema pedirá ao candidato que cadastre uma senha, com a qual terá acesso ao sistema para se inscrever às vagas remanescentes do Fies, e que informe um e-mail pessoal válido, para o qual será enviado o link de ativação do cadastro. Concluído o cadastro, o sistema envia automaticamente ao e-mail registrado pelo estudante um link para ativação. Após a ativação, o estudante deve acessar o sistema de inscrição informando o seu CPF e a senha cadastrada.

    Atenção: Após a realização da inscrição, o estudante deve acessar o Sistema Informatizado do Fies – SisFies e concluir sua inscrição nos 2 (dois) dias úteis subsequentes.